• marketing52768

VOCÊ SABE A IMPORTÂNCIA DE UMA BOA GESTÃO DE ESTOQUE?

Quem nunca ouviu falar de estoque? Ou viu em alguma loja ou nos supermercados, no seu cotidiano, fechado para balanço?


Trago nesta matéria um pouco sobre a importância da gestão de estoque para todas as empresas. Vamos lá?!

Primeiramente precisamos entender o que é estoque e sua função: podemos definir estoque como a acumulação armazenada de recursos materiais em um sistema de produção e/ou operações. A função dos estoques é maximizar as vendas, aperfeiçoar o planejamento e controle de materiais.


Além disso gosto de destacar a importância da gestão do estoque que tem impacto direto na saúde financeira da empresa. Para alguns, esse controle pode parecer - erroneamente - pouco importante, mas o estoque pode ser a origem de grandes perdas para a empresa, um obstáculo que impede os negócios de crescer e/ou até o motivo de uma busca desesperada por crédito.


Considerando a necessidade de manutenção de um organizado controle de estoque, você empresário terá condições de a mensuração de volume de cada item e o valor que cada um possui. Parece uma tarefa fácil, mas não se enganem, é mais do que comum encontrarmos empresas com dificuldades na manutenção e organização deste controle. Pensando nisso, trago algumas dicas para evitar qualquer cilada:


1. Relação do prazo de entrega com o volume de vendas: conheça o prazo médio de entrega do seu fornecedor e seu prazo médio de vendas, manter um estoque baixo significa otimização do processo compra e uma menor exigência de capital de giro, lembrando sempre a manutenção considerando um período, exemplo: semana ou mês;


2. Tendência é novos produtos: caso esteja vencendo uma estação ou esteja sendo lançada uma nova coleção do seu produto, verifique seu estoque, se ele estiver alto você pode por exemplo fazer uma promoção visando gerar capital para novas aquisições, mas lembre-se, cuidado com o preço de custo;


3. Evite grandes quantidades de estoque: neste caso, o estoque pode sofrer uma desvalorização, além disso, tem a possibilidade de sofrer perca, roubo ou extravio, ah e cuidado neste controle, principalmente, quando houver o atrativo de desconto do seu fornecedor;


4. Organização: Anote tudo, toda a movimentação ocorrida, assim você terá sempre um controle real posição do seu estoque;


5. Períodos sazonais: procure avaliar os períodos em que seus produtos possuem maior e menor saída, assim você terá uma gestão se impacto financeiro com seu fornecedor devidamente controlado.


É importante destacar que existente algumas atividades exigidas por órgãos públicos que chamamos comumente de “obrigações acessórias” que também precisam ser acompanhadas relacionadas ao estoque, para tanto, você, empresário, pode ficar tranquilo, a Controller tem know-how para realizar este atendimento.

15 visualizações0 comentário